quinta-feira, 8 de novembro de 2018

Sermão - O Dia Mau


Existe, entre nós cristãos, uma ideia muito difundida de que se formos fieis ao Senhor, nada de ruim nos acontecerá. É como se tivéssemos uma redoma invisível que impedisse todo mal de nos atingir. Há, até, versículos usados por quem pensa assim, justificando essa crença: "Nenhum mal te sucederá, praga nenhuma chegará à tua tenda" (Sl 91.10 e contexto); "... e nada, absolutamente, vos causará dano" (Lc 10.19).
 
Entretanto, basta viver alguns poucos anos na fé para constatar que a realidade não é bem assim. Será, então, que a Bíblia está errada? Ou será que todos os nossos irmãos e nossas irmãs (pra não falar de nós mesmos) que sofreram alguma coisa muito ruim estavam em pecado secreto? Pois é, a questão suscita reflexão profunda, sempre com base nas Escrituras Sagradas. E Elas nos trazem informação segura e verdadeira sobre isso (Jo 17.17). Eclesiastes adverte para a chegada do dia mau e ainda acrescenta que ele se repetirá em nossa história de vida. Paulo, por sua vez, confirma essa triste realidade, mas nos ensina a nos equipar e preparar adequadamente para, depois de enfrentar o dia mau que certamente virá, permanecer inabaláveis.
 
Por que você não ouve essa reflexão e tira suas próprias conclusões sobre o assunto? Tenho certeza de que a Palavra lhe falará ao coração, como falou ao meu. E como eu precisava (e preciso) dEla!!!!
 
Rev. Eber Cocareli


segunda-feira, 29 de outubro de 2018

Eber Diz! #80 - O que achei das eleições 2018


Muita gente me censurou por eu não revelar qual dos candidatos à Presidência da República eu apoiava. Minha postura foi consciente e, neste vídeo, digo por que agi assim, além de mostrar o que essas eleições demonstraram para mim acerca do Corpo de Cristo.
O vídeo é curto, e peço que você o assista até o fim, para só depois fazer seu comentário, que será muito bem-vindo. Aproveito para pedir que você faça sugestões de assuntos que gostaria de ver abordados aqui.
Deus abençoe.
Rev. Eber Cocareli



quinta-feira, 18 de outubro de 2018

Eber Diz! #78 - Liberalismo Teológico


Alguns irmãos têm me perguntado o que é ser liberal teologicamente falando e por que algumas denominações têm mais pastores e mestres liberais. Neste vídeo, explico (para leigos) o que vem a ser o liberalismo teológico na prática e como ele afeta a vida cristã e a relação com Deus.

Em tempos nos quais ser liberal é ser bom, correto e atual, vale muito a pena ponderar o que Deus acha disso, sobretudo no que concerne à Sua revelação aos homens. Agora, já adianto que, para desespero de muitos, há vários liberais que mantêm uma espiritualidade e um comportamento ético bem acima da média. É preciso separar o joio do trigo, o liberal do libertino.
Mas se o libertino não é o liberal, então quem é este? Confira!
 
Rev. Eber Cocareli

quinta-feira, 11 de outubro de 2018

Sermão - Passarinhos


De todas as falas do Senhor Jesus, a que mais me toca de modo especial é aquela em que o Salvador diz, com todas as letras, que nem um só pardal cai ao chão, sem o consentimento do Pai Celeste. Como se isso fosse pouco, o Senhor acrescentou que até os cabelos de nossa cabeça estão sob controle minucioso de Deus (Mt 10.29-31).

Diante de tal declaração, como entender que criancinhas sejam violentadas? Pois é, isso acontece e muito. Este sermão procura explorar o assunto, tentando entender a mensagem bíblica no cenário tenebroso em que vivemos.
Afinal, parece que Deus tem falhado em Sua missão de proteger passarinhos e criancinhas. Será?
 
Rev. Eber Cocareli




quarta-feira, 3 de outubro de 2018

Eber Diz! #77 - Como a igreja de Jerusalém pode ser exemplo hoje?

Já vimos que a experiência de sustento da igreja de Jerusalém foi única e não deve ser replicada. Entretanto, há, em Atos 6, lições preciosas que DEVEMOS observar. Infelizmente, não conheço nenhuma igreja que o faça, ao menos da forma completa. Do que cuida um diácono? E o pastor?

Diante do grave problema de discriminação e murmuração, os apóstolos se dirigem à comunidade e dividem o trabalho. Uma parte dos membros (eles) cuidaria exclusivamente dos aspectos espirituais, enquanto outra (os diáconos) administraria os recursos materiais da igreja. Ambos os grupos formados por pessoas cheias de sabedoria e poder do Espírito Santo. Ora, o que podemos aprender com isso? Neste vídeo, exploro as ideias que tenho a partir dessa experiência, criticando a minha igreja por não observar integralmente o princípio ensinado ali, mas adotar o diaconato.
 
Acho que você vai concordar comigo. Caso isso não aconteça, estou pronto para ouvir (ler) suas ponderações.
 
Rev. Eber Cocareli